História das Associações

Confira abaixo o resumo histórico de todas as associações ou se preferir, clique na sigla da Associação específica que deseja conhecer.

AAP - APA - CAFS - CASF - CAVC - CEAAL - CDA Órion
Estação PieGise - NASTRO/IFC-JN - SAMA - SAR - SEASE


CAAFS - Clube de Astronomia Amadora de Feira de Santana 

No ano de  2007  recebi um e-mail  não me lembro bem de que  enviou sobre um Encontro Nordestino de Astronomia  que aconteceria em Maceió -AL. Achei interessante e mostrei aquele  e-mail para o Diretor do Observatório Astronômico Antares prof. Dr. Paulo Poppe, naquela época ele não sabia do que se tratava  ou se existia algum encontro de  astronomia voltado para o  astrônomos ou amante da astronomia aqui no nordeste então autorizou-me a participar do  encontro pediu-me para convidar a umas das pessoas que fazia parte  do nosso grupo de estudo em astronomia. Por afinidade convidei a Tereza. Nos, desde o ano de 2005, nos dedicamos aos estudos das estrelas juntamente com o prof. Dr. Marildo Pereira (nosso orientador).

No retorno para a Bahia falei com a Tereza  que seria interessante  cria um  clube de astronomia  em nossa cidade e assim incentivar outras pessoas a gostar de  astronomia. A principio a Tereza não achou muito legal a idéia, pois poderia atrapalhar na sua graduação e naquela época não seria um bom negocio.  Convenci então a me ajudar caso o diretor  do Observatório Antares e o reitor  da Universidade Estadual de Feira de Santana  nos desse apoio. Marquei uma reunião com o diretor do OAA e fiz o relatório do expondo o que  tinha acontecido naquele nosso primeiro encontro de astronomia e que seria  interessante criar um núcleo de astronomia amadora  em Feira de Santana com a supervisão do OAA/UEFS. A princípio a idéia da supervisão não  foi uma boa para o diretor mais autorizou-me a criar o grupo e ver o que iria acontecer.

Comecei então a pedir sugestão de alguns clubes  já solidificado e o CEAAL (Centro de Estudos Astronômico de Alagoas ) e, através do prof. Adriano Aubert  comecei a entender  como seria o processo. A partir daí comecei a fazer a divulgação  a princípio com  a sigla CAFS (Clube de Astronomia de Feira de Santana). 

Então no dia 07 /07/2007 às 17 horas  no auditório do Observatório Astronômico Antares, na Rua da Barra , 925 foi realizada a primeira reunião ordinária do CAFS. A primeira pessoa a aparecer na reunião (alem de Ze Santos e Tereza) e a se interessar e se dedicar  ao CAFFS foi Otavio.  Nas reuniões subseqüentes  começaram a aparecer  outras pessoas  como Paulo Jakson. Ma. Do Socorro ( Help), Wilian, Franklin,  Marços  Andréia, Antonio Bastos outros. 

O Nome CAFS não demorou muito tempo, pois já existia outra entidade na modalidade de aeromodelismo que a usava. Então sugerir aos integrantes que mudássemos para CAAFS – Clube de Astronomia Amadora de Feira de Santana.
Hoje o Clube de Astronomia de Feira de Santana é uma entidade incorporada na comunidade feirense e  faz parte do projeto de  extensão do observatório Astronômico Antares – UEFS com isso pretendemos congregar mais pessoas interessadas em assuntos relativos à Astronomia teórica e prática, alem de difundir o conhecimento sobre a matéria mediante palestras, conferências, publicações e visitas a observatórios e planetários sem esquecer a orientação de  astrônomos amadores no sentido de incentivar o trabalho de equipe na observação astronômica, dentre outros. 

Já são mais de 20 cidades contempladas com o projeto de popularização da astronomia. 
Desde a sua fundação o CAAFS faz reunião ordinariamente todos os sábados no mesmo endereço. 
_____________________________________________________________

CDA Órion - Clube Dorense de Astronomia Órion 

O Clube dorense de Astronomia Órion é um grupo de estudos sem fins lucrativos, fundado em 26 de agosto de 2009, ano em que se instituiu o AIA 2009 (...). Mesmo antes desse período, já havia a realização de trabalhos voltados à compreensão, estudo e divulgação de assuntos ligados à Astronomia.

Com o objetivo de participar como Nó Local nas atividades do AIA 2009, foi criado e sistematizado o grupo, com cinco participantes efetivos e outros frequentadores. No mesmo ano de fundação, montamos um telescópio newtoniano de 180mm para observação dos astros e permitir que o público em geral possa ter acesso a esse tipo de visualização dos corpos celestes nos eventos, tais como palestras, exposições, oficinas, entre outros organizados pelo grupo. Nossa área de atuação é centrada no interior do Estado de Sergipe, com sede na cidade de Nossa Senhora das Dores, a 76km de Aracaju.

Somos colaboradores ativos da Comissão Nacional da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), atuando como minstrantes de palestras e oficinas de construção e lançamento de foguetes didáticos nos Encontros Regionais de Ensino de Astronomia (EREA); colaboramos com o Programa AEB Escola da Agência Espacial Brasileira (AEB); somos membro da equipe de trabalho do Projeto Astronomia, Astronáutica e Ciências Espaciais, coordenado pelo MEC/MCT, em parceria com a NASA; realizamos eventos de divulgação das ciências espaciais para escolas e instituições interessadas. 
Mantemos um blog para divulgação www.cdaorion.blogspot.com 
_____________________________________________________________

SAMA - Sociedade de Astronomia do Maranhão 

Dois jovens estudantes do Colégio Maristas, da Congregação Marcelino Champagnat, de São Luís do Maranhão, Paulo Roberto Melo Sousa e Carlos Eduardo Portela Serra de Castro, conheceram-se aos 12 anos de idade, na 6ª série do 1º grau (atual Ensino Fundamental). Ambos eram interessados em ciências. Carlos Eduardo Portela morava com os avós, próximo ao Maristas, numa casa localizada na Avenida Gomes de Castro, nº 178 – Centro, quase em frente ao tradicional Ginásio de Esportes Costa Rodrigues. Paulo Melo Sousa, diariamente, ao final das aulas, ao meio-dia, dirigia-se até à casa de Carlos Eduardo Portela, onde ficavam conversando sobre ciência por uma hora ou mais. Em julho de 1975, aconteceu em Fortaleza / CE, o I Colóquio de Astronomia do Nordeste.

Um ano depois, em julho de 1976, Carlos Eduardo Portela, passando as férias com seus pais, que moravam em Fortaleza, assistiu a uma reunião da Sociedade Brasileira dos Amigos da Astronomia - SBAA, o primeiro grupo de Astronomia amadora do Brasil, criado naquela cidade em 1947 pelo astrônomo amador Rubens de Azevedo, dentre outros entusiastas.

Na oportunidade, Carlos Eduardo Portela comprou um opúsculo que continha os textos condensados das palestras que haviam sido proferidas um ano antes durante o referido colóquio. De volta a São Luís, Carlos Eduardo Portela presenteou Paulo Melo Sousa com o livreto. Este, por sua vez, lançou a idéia da criação de uma entidade de estudos sobre Astronomia nos moldes da SBAA, proposição que foi imediatamente apoiada pelo amigo Carlos Eduardo Portela. Os dois entusiastas convidaram outros estudantes do Colégio Maristas, companheiros de escola, que também se interessaram em compor o grupo. Eram eles Antônio Nilo da Costa Neto, Gabriel Bernardes Gomes e Antônio Carlos Ramos Amorim Júnior. 

Dessa forma, no dia 16 de dezembro de 1976, às 16 horas, à Rua Rio Branco, nº 65, em São Luís do Maranhão, foi realizada a primeira reunião da Sociedade Astronômica Maranhense de Amadores – SAMA, criada com o objetivo de estudar e divulgar Astronomia e ciências afins. Apesar de vários intelectuais terem se interessado anteriormente por essa ciência, no Maranhão, tais como Gomes de Souza (Souzinha) e Travassos Furtado, a SAMA foi a primeira entidade constituída para o estudo sistemático da Astronomia em todo o Estado. Posteriormente, o estatuto da sociedade foi publicado no Diário Oficial do Estado do Maranhão, de nº 15, ano 12, datado de 11 de agosto de 1988, sendo a entidade registrada no Cartório de Títulos e Documentos de Pessoas Jurídicas “Cantuária de Azevedo” no dia 07 de novembro de 1988. A SAMA foi reconhecida como entidade de Utilidade Pública Municipal através da Lei Municipal de nº 3.008, datada de 15 de dezembro de 1989, e está inscrita na Secretaria da Receita Federal com o ramo de atividade 6141 – Associação Científica. 

A atual designação da SAMA é Sociedade de Astronomia do Maranhão. No momento, o grupo é composto por 20 membros ativos, que se reúnem mensalmente para discutir Astronomia e articular as atividades a serem desenvolvidas, tais como observações e palestras. A SAMA ajudou na fundação do Grupo de Estudos Astronômicos da Universidade Estadual do Maranhão (GEAST-UEMA), do Observatório Astronômico do Curso de Física da UEMA (OBAFIS) e do Grupo de Astronomia Amadora de Imperatriz. Participou das atividades do Ano Internacional da Astronomia IYA2009 e tem mantido o projeto Astronomia na Praça em parceria com outros grupos locais. Desde 10 de março de 2010 tem Manuel Ricardo de Jesus Costa como presidente e seu mandato vai até março de 2012.  
Outras informações em: http://www.sama.org.br